O que temos lá no Canteiros da chica?

O que temos lá no Sementes da chica?

O que temos no chica brinca de poesia?

O que temos no chica brinca de poesia?
Basta clicar pra ver!

sábado, 23 de junho de 2018

♥ Poetizando com Lourdes n º 41 ♥

A imagem escolhida é essa abaixo:

Achei uma boa escolha falar de São João e minhas lembranças...



Hoje é dia de São João
vai ter festa pra brincar
fogueira e muito balão
vamos todos nos esbaldar!

Vai ter pipoca, docinhos

bandeirinhas pra enfeitar
vamos, vamos, amiguinhos
vai ser festa de arrasar!

Quem vai querer ir comigo
nessa festa de São João?
Quero levar todos os amigos
que caibam no coração!

Chica

E por falar em São João, lembrei de uma quermesse...Trago aqui um pouco dela:



Éramos uma duplinha imbatível, quase Xazan e Xerife.

Minha irmã e eu.

Ela, sempre apaixonada e sempre por  "bombas " em forma de gente.

Fomos numa quermesse em nosso colégio, com direito à pipoca, pescaria, porquinhos-da-índia nas casinhas, até os famosos TELEGRAMAS.(Correio elegante)

Ela  preocupada em mandar prender pra depois soltar e na maior das folias, quando  eu mando um telegrama ao pretendente DELA dizendo simplesmente assim:

DEPENDE UNICAMENTE DE TI, e assinei o nome de minha irmã.

Passado algum tempo,  de longe,  eu observava , interessadíssima em ver a reação dele na hora de ler aquela mensagem.

Dentro em pouco ele se aproximou, dizendo nunca esperar  receber algo tão lindo e direto assim dela, uma menina tão tímida e envergonhada, mas que estava muito feliz e aquele poderia ser um lindo início.

Ela surpresa perguntou o que ele tinha recebido  ao que ele mostrou dito telegrama.

Nessa hora, saí de fininho pois ela queria me matar.

Porém, nem sei porque, fui o cupido, o  namorico começou, durou uns tempinhos e aí, ela viu que não fazia sua cabeça.

Estava enfim livre, pra poder ficar "de onda" com outro.

Naquele tempo até pra ficar de onda, éramos fiéis.

Assim, valeu o "S.Antônio Chica"  ter dado uma mãozinha!

Por um tempinho ela foi feliz!

Bons tempos!

Desejo a todos um  lindo São João!

bjs, chica

24 comentários:

  1. Pois ... bons tempos e boas lembranças!!!
    Gosto dos versos ... bj

    ResponderExcluir
  2. Querida Chica,

    Gostei muito do seu poema, trazendo
    a beleza do astral da festa de São João,
    transportou-me para esta festa com
    ruas de casas e não hoje nos prédios.
    Gostei também de saber da Chica
    cúpido...rss
    Linda a sua participação! !
    Feliz final de semana.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Chica,
    Versos tão lindos em dia de São João!
    Adorei!
    Boas lembranças desses tempos em que tudo era engraçado, mas bem fiel como diz;))! Ainda bem que sua mana foi feliz por algum tempo graças ao "Stº Antonio Chica", que era bem malandreco!
    Beijinhos e boas festas sanjoaninas.
    Ailime

    ResponderExcluir
  4. Boa tarde querida Rejane!
    Só agora tive um tempinho para vir apreciar sua maravilhosa participação. Hoje é dia das comidas de milho e da muito trabalho, mas um São João sem a pamonha, a canjica e o bolo de milho, não da mesmo!

    Quanto a sua participação, propícia para o dia e a época, amei sua poesia, e come lhe fez lembrar do seu tempo de criança de mocinha com sua mãe.Amei tudo! parabéns minha amiga! Muito obrigada por participar tão lindamente! Viva São João! E vamos comemorar com alegria! Bjus no coração,
    Obrigada pelo carinho voltou para deixar e fiquei feliz!

    ResponderExcluir
  5. Querida Chica! Viva São João!

    Uma bela postagem, participou com uma postagem magnífica para o dia!
    Parabéns amiga pela bela inspiração. Gostei da poesia e da história. Abraços, feliz festa junina!

    ResponderExcluir
  6. Adorei o poema a S.João.

    Amei a marotice que fizeste á tua irmã. Brincadeiras de outrora, sem maldade.

    Beijinhos.

    ResponderExcluir
  7. https://poemasdaminhalma.blogspot.com/
    Oi Chica!
    Belíssima poesia, nas festas de S. João.

    Quem vai querer ir comigo
    nessa festa de São João?
    Quero levar todos os amigos
    que caibam no coração!

    Eu também quero ir?
    Gosto de festejar
    gosto de me divertir
    bailar a noite inteira
    e com os amigos sorrir.

    Amei, querida Chica... toda essa alegria... toda essa poesia.
    Beijinho amiga, bom Domingo paz e luz.
    Luisa

    ResponderExcluir
  8. Viva São João! Poetizando e encantando.

    Um abraço e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  9. Amei tudo!!! Lindo poema e que delícia de recordação...Deu saudade das festas juninas e quermesses...
    Chica, eu também era dessas que tentava formar os casais, já que não conseguia um par arrumava para as amigas!
    Abração!

    ResponderExcluir
  10. Olá Chica! Parabéns pela linda participação, o poema é de encantar.
    Feliz Domingo
    Abraço.

    ResponderExcluir
  11. Eu aqui às voltas com enfeites para a festa da escola e sou agraciada com este lindo poema em homenagem a São João
    É só ouvir o anarriê que já vamos dançar a quadrilha para alegrar o coração. Lindíssima inspiração, Chica
    Beijos e um feliz domingo

    ResponderExcluir
  12. Bom dia, querida amiga Chica!
    Que lindeza a alegria da sua postagem!
    Tive um abençoado São João e ainda estou nisso... os quitutes são deliciosos e sua amizade eu quero... mais uma paro seu grandioso coração... caberá nós todos? Creio que sim. O Amor que tem é imenso.
    Como é bom estar eu seu coração, amiga!
    Eu ainda sou 'daqule tempo': sou fiel e acrecito no para sempre... somos raras, amiga...
    Seja muito feliz e abençoada junto aos seu amados!
    Bjm carinhoso e fraterno de paz e bem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah! Fui Santo Antônio para um casal que está casado há 40 anos, uma amiga da escola que se formou comigo em professora e meu primo... Foi bem legal! Entre 'trancos e barrancos' estão juntinhos, ela teve paciência de Jó, rs... Bjm

      Excluir
  13. Pode crer que eu ia consigo a um S João e adoraria provar a canjica, a pamonha e todas as quitutes à base de milho...
    Quanto a quadrilhas, prefiro ver...
    Uma participação muito alegre, parabéns.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Voltei e quero dizer que o conto baseado num episódio da sua juventude está muito interessante e muito bem narrado.

      Querida Amiga, desculpe a minha falta de presença nos seus blogues, mas ando às ''aranhas'' com um computador novo e com o Windows 10... Muita coisa fora do lugar habitual...
      Abraço grande
      ~~~

      Excluir
  14. Que bela recordação Chica desta correio elegante, nem lembrava mais o nome, que armação fizeste o cupido Joaninha.
    Linda sua poesia junina bem inspirada com elementos instigantes. Que bom que ainda pelo país a tradição permanece apesar de algumas mudanças em certos lugares. Mas o povo ainda faz a festa e a preserva.
    Muito boa sua participação em encantar e poetizar.
    Abraços na boa semana que leva às férias.
    Aproveite.

    ResponderExcluir
  15. Oi Chica, amei o poema e a historia do dia que você foi cupido, fiquei imaginando a cena, tempo bom da nossa vida.
    Muitos beijos,Vi

    ResponderExcluir
  16. Chica!
    Saudades da minha infância onde participava das quermeses, por aqui não tem mais...
    Amei sua apreciação por São João, ô festa boa, sô...
    “Não sei o que fazer do que vivi, tenho medo dessa desorganização profunda. “ (Clarice Lispector)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com/2018/06/divulgacao-cultural-86-41-poetizando-e.html

    ResponderExcluir
  17. Adorei teu poema, eu adoro festa junina, uma das poucas comemorações que ainda guarda uma certa pureza, ah Chica desde jovem já era danadinha virou Santo Antonio, mas valeu né? Obrigada menina por me fazer sorrir com tuas postagens e viajar pelos mundos que você nos descreve tão bem. bjos

    ResponderExcluir
  18. Chiquinha, lindos os versos! Puros e me fez sentir nas festinhas do tempo do jardim da infância. Ôôô tempo bom!
    E tu? Já aprontava naquela época, danadinha! Imagino pela tua rapidez em tudo que faz, como é esperta! Uma delícia de história com a mana, beijocas.

    ResponderExcluir
  19. Só hoje li este texto. Muito giro fazer de cupido para a sua irmã. Eu tenho uma história diferente. Um dia apresentaram-me um jovem que estava interessado na minha irmã. Vinte meses mais nova do que eu, a minha irmã era uma menina linda. Usava uns cabelos compridos, com uma franja, morena, fazia e faz duas covinhas no rosto quando ri. Enfim não sendo de todo feia, eu a seu lado passava completamente despercebida. Ora o referido rapaz era amigo de uma amiga minha, e tendo visto a minha irmã duas ou três vezes, queria ser-lhe apresentado. Naquela época, aqui, nenhum rapaz ia conversar com uma moça se não lhe fosse apresentado. Eu olhei o rapaz e foi amor à primeira vista. Porém não tinha ilusões. E prometi-lhe que o apresentava à minha irmã, coisa que fiz na primeira oportunidade. Ela não lhe ligou nenhuma, nem sequer 5 minutos conversaram. Devo dizer que os pretendentes andavam atrás dela como as abelhas à volta das flores. Depois desses 5 minutos o rapaz ficou desiludido, achando que ela era uma vaidosa e sem interesse. Como tinha gostado de conversar comigo, ficámos amigos. Conversávamos muito, e ele que estava na marinha, sempre que podia ia esperar-me ao trabalho e acompanhar-me a casa.
    E um dia fez uma não-declaração dizendo que eu era uma companhia excelente, que gostava imenso de conversar comigo. E perguntou se eu queria namorar com ele, acrescentando."Suponho que devia dizer-te que te amo muito, mas não vou fazê-lo porque não é verdade. Gosto de estar contigo, da tua companhia, das tuas conversas. Se começarmos a namorar, pode acontecer uma história muito bonita, que dure a vida inteira, ou não. Queres arriscar?
    Eu estava apaixonadíssima, claro que arrisquei. Namoramos três meses ele foi para a Guiné, escreve-mo-nos durante toda a comissão. Ele veio, e pela primeira vez disse que me amava, e que gostaria de me ter a seu lado o resto da vida. Três meses depois partiu para Angola e durante dois anos nas cartas repetia o que me tinha dito antes. Chegou em Julho de 67 e a 16 de Agosto casámos. Nunca mais nos separámos,nem sequer nas comissões seguintes em Moçambique, onde confirmámos o casamento casando pela Igreja, e depois em Angola. E até hoje e eu continuo muito apaixonada por ele. É o meu amor, a minha vida, o meu porto seguro. E você amiga, arriscava?
    Abraço

    ResponderExcluir
  20. Eu quero ir contigo a festa de São João ! Quero comer pipoca desde que não seja de micro ondas. hahaha
    Chica que bons tempos ! E você era bem sapequinha ein ? Atuando para a irmã tímida !
    Lindas lembranças que perpetuam nas suas escritas. Adorei

    bjs

    ResponderExcluir
  21. Uma participação fantástica... e uma partilha, bem especial!...
    Amei este post, Chica!!!
    Espero que tenha passado esta quadra de uma forma muito feliz! Beijinhos
    Ana

    ResponderExcluir